Publicado em: 17 Junho, 2020

Alimentação e hidratação no Verão

Verão é sinónimo de calor, praia, mar e refeições muitas vezes realizadas em pleno areal…

No tempo quente, o risco  do aparecimento  de micro-organismos nos alimentos é uma possibilidade real, sendo por isso as intoxicações alimentares mais frequentes no verão.

Para minimizar esse risco, veja os conselhos da Dra. Eva Ferreira, Nutricionista da Equipa COGE, tem para lhe dar:

  • Escolher locais com boas condições de higiene e em que os produtos facilmente alteráveis pelo calor (bolos, molhos, guisados, produtos à base de leite e de, mariscos, entre outros) se apresentem em câmaras ou montras frigoríficas.
  • Fazer refeições leves.
  • Dar preferência a alimentos frescos e cozinhados na hora.
  • Evitar alimentos que contenham ovo cru ou mal cozinhado.
  • Preparar as saladas depois de mergulhar os componentes durante 30 minutos em 1 litro de água com 5 gotas de lixívia e depois passar por água corrente.
  • Respeitar os prazos de validade.
  • Comer fruta como sobremesa ou nas refeições intermédias.
  • Aumentar a ingestão de líquidos – preferencialmente sumos de fruta naturais sem adição de açúcar.
  • Evitar bebidas alcoólicas ou com elevado teor de açúcar.
  • Consumir apenas produtos lácteos pasteurizados.

Aqui nasce e cresce vida com saúde…

Artigos relacionados